sábado, 24 de abril de 2010 0 comentários

Sinceramente não recordo se ja postei essa letra aqui, mas com
essa imagem tenho certeza que não.


Ritmo da Chuva
Leno

Olho para a chuva que não quer cessar
Nela vejo o meu amor
Esta chuva ingrata, que não vai parar
Pra aliviar a minha dor
Eu sei que o meu amor pra muito longe foi
Com a chuva que caiu
Oh gente por favor, pra ela vá contar
Que o meu coração se partiu
Chuva traga o meu benzinho
Pois, preciso de carinho
Diga a ela pra não me deixar triste assim
O ritmo dos pingos ao cair no chão
Só me deixam relembrar
Tomara que eu não fique a esperar em vão
Por ela que me faz chorar


Olho para a chuva que não quer cessar
Nela vejo o meu amor
Esta chuva ingrata, que não vai parar
Pra aliviar a minha dor
Eu sei que o meu amor pra muito longe foi
Com a chuva que caiu
Oh gente por favor, pra ela vá contar
Que o meu coração se partiu
Chuva traga o meu benzinho
Pois, preciso de carinho
Diga a ela pra não me deixar triste assim
O ritmo dos pingos ao cair no chão
Só me deixam relembrar
Tomara que eu não fique a esperar em vão
Por ela que me faz chorar

domingo, 4 de abril de 2010 0 comentários

Ele Está Pra Chegar

(Roberto Carlos)



Se ilumine na luz das estrelas
Se aqueça nos raios do sol
Se refresque na chuva que cai
Sobre a sua cabeça
Agradeça e respire do ar
Se concentre diante do mar
Se procure e se encontre depressa
Ele está pra chegar
Não se pode negar os sentidos
Nem tão pouco tapar os ouvidos
Pra fugir das verdades
Que a própria consciência nos diz
Não adianta tentar se esconder
Nem tão pouco querer se enganar
Se procure, se encontre depressa
Ele está pra chegar
Ele está pra chegar
Vista-se no branco desse amor que vem do alto
Busque o céu dos seus pensamentos
Veja que a verdade e as palavras do profeta
Nunca se perderam nos ventos
Pare pra pensar
Pense muito bem
Olhe que esse dia já vem
Pare pra pensar
Pense muito bem
Olhe que esse dia já vem
Pare, pense
Olhe que esse dia já vem
Pare, pense
Olhe que esse dia já vem
Muito breve uma luz vai brilhar
Dessa luz Ele então surgirá
Se materializando ante os olhos
Surpresos do mundo
Não se pode fugir dessa Luz
Dessa força chamada Jesus
Se procure, se encontre depressa
Ele está pra chegar
Ele está pra chegar
Pare pra pensar
Pense muito bem
Olhe que esse dia já vem
Pare pra pensar
Pense muito bem
Olhe que esse dia já vem
Pare, pense
Olhe que esse dia já vem
Pare, pense
Olhe que esse dia já vem
Pare, pense (Aleluia, aleluia)
Olhe que esse dia já vem (Aleluia, aleluia)
Pare, pense (Aleluia, aleluia)
Olhe que esse dia já vem (Aleluia, aleluia)
Pare, pense (Aleluia, aleluia)
Olhe que esse dia já vem (Aleluia, aleluia)
Pare pra pensar (Aleluia, aleluia)
Pense muito bem (Aleluia, aleluia)
Olhe que esse dia já vem (Aleluia, aleluia)
Pare pra pensar (Aleluia, aleluia)
Pense muito bem (Aleluia, aleluia)
Olhe que esse dia já vem (Aleluia, aleluia)

0 comentários



Poema da Ressurreição




É madrugada
há um silêncio no ar
por um instante, o soluço parou
a tristeza dormiu
e o pranto cessou!

Na barra do novo dia
brilha sorridente o sol da alegria.

O ventre da terra contraiu-se
a natureza gemeu em santo parto
reuniram-se todos os átomos
da força energética da vida...

O Pai é o parteiro presente
anjos e mulheres o auxiliam
os guardas, homens armados
cochilam frágeis e inofensivos.

Poderosos: sacerdotes, Herodes, Pilatos...
Com o remorso do crime no estômago, sofrem pesadelos.

O túmulo rompeu-se e a pedra rolou!

Eis que de pé,
vitorioso renasce Jesus!

Do infinito parto da Natureza e do Céu
ressurge livre, vencedor
o Filho Amado.
Ontem matado e enterrado.

Termina, enfim,
a teimosia cansativa entre o homem
e seu criador
alguns lençóis, placentas inúteis,
restos da morte
que agoniza faixas manchadas do pecado vencido.

Voam pelo ar, no chão em festa, feito jardim
por onde passeia sorridente
o jardineiro imortal.

Tudo é surpresa e espanto
tudo é certeza e encanto.

Os convidados e seguidores cantam alvíssaras
Maria, a mulher símbolo
suspira aliviada e segura
uma lágrima feliz terá corrido rápida
fazendo ponto final, no seu papel genial
por ela somos benditos também, quem não diria Amém?

Enquanto os filhos da morte
envergonhados, insistem em combater
de boca em boca, de casa em casa,
de nação em nação
corre veloz a notícia feliz:
"Jesus ressuscitou!!!"

Quem crê, saia depressa, correndo
atrás de Madalena, de Pedro, de João...

A vitória será sempre da VIDA!
E cada esforço, cada luta,
cada gota de sangue derramado
pela justiça não terá sido em vão...

A última palavra será: RESSURREIÇÃO!

Fonte Mensagens e Poemas

http://mensagensepoemas.uol.com.br/pascoa/poema-da-ressurreicao-3.html

 
;