domingo, 26 de julho de 2009 0 comentários

DOCES LEMBRANÇAS


Vovó, esta canção dedico a você!
(Valsa-modinha)

Vovó, que coisa linda é você
Em nossa vida de família,
Junto com o vovô!...
Todo dia é seu dia,
Você enche de alegria
O nosso coração,
Pois somos parte de você!
Vovó, esta canção,
Dedico hoje a você!

Me conte histórias para eu dormir!
Me dê a mão, para eu não cair!
Como Sant' Ana e São Joaquim,
Pais de Maria, Mãe de Jesus!
Cuide, vovó, com amor, de mim,
E o meu caminho será de luz!



domingo, 19 de julho de 2009 0 comentários

Doces Lembranças




Amigo é
Harmony Cats

É, amigo é
Um passarinho que vem te acordar
Que vem te avisar que a noite já passou
Que amanheceu e uma estrela no jardim brilhou

E é o Sol, que amigo é
Está lá fora só prá te lembrar
Que o dia que começa um outro amigo é
Pois traz a chance de recomeçar

Refrão:
É, amigo é
A natureza, um alguém que te quer
Todo sonho que você procura realizar
Num amigo você vai encontrar

É, amigo é
Uma pessoa prá nos compreender
Só ele vai saber seus medos e ajudar
Quando você chorar tão triste te fará sorrir

Porque ele tem, amigo tem
Palavra certa que só traz a paz
Não pensa em receber, só quer oferecer
Sua amizade tão sincera

Refrão:
É, amigo é
A natureza, um alguém que te quer
Todo sonho que você procura realizar
Num amigo você vai encontrar

É, amigo é
Uma certeza de uma companhia
Que te conduzirá no que melhor achar
Tentando sempre o impossível para te ajudar

Porque ele tem, amigo tem
Um saber mágico prá te entender
E não importa se difere no pensar
Amigo sempre ao seu lado está

Refrão:
Amigo é
A natureza, um alguém que te quer
Todo sonho que você procura realizar
Num amigo você vai encontrar

É, amigo é
A natureza, um alguém que te quer
Todo sonho que você procura realizar
Num amigo você vai encontrar
Num amigo você vai encontrar
Num amigo você vai encontrar...


domingo, 5 de julho de 2009 0 comentários

DOCES LEMBRANÇAS

Infinito

Marcio Greyck

Nós dois andando pelo céu, tudo é tão lindo.
O mundo fica diferente, fica bem distante.
É tudo como se tivesse que morrer agora.
A minha vida está em tuas mãos, senhora.
E quando vejo seus cabelos da cor do sol,
eu sinto que, se quisesse, poderia voar.
Andar pelo horizonte sem mistério
eu vou olhar seus olhos por que são sinceros.
Guarda-me, proteja-me, que sou eu.
Quando te amo, eu sou o homem que chega a Deus.
Na minha viagem pelas estrelas tu terás.
O amor sincero. O infinito que não verás.
Pois o infinito são seus olhos, meu amor.
E quando te amo, eu sou o homem que chega a Deus.
Agora pegue as minhas mãos, mas pegue com calor.
você não pode recusar, o meu amor que é teu...
Amor Perdoa aquele que está te amando
o mundo não é mais importante que o meu amor.
Que importa saber o tempo que me espera.
A minha vida está em tuas mãos, senhora...
Guarda-me, proteja-me quem sou eu.
Quando te amo, eu sou o homem que chega a Deus...
0 comentários

POEIRA DA SAUDADE

O Tempo Passa? Não Passa


O tempo passa? Não passa
no abismo do coração.
Lá dentro, perdura a graça
do amor, florindo em canção.

O tempo nos aproxima
cada vez mais, nos reduz
a um só verso e uma rima
de mãos e olhos, na luz.

Não há tempo consumido
nem tempo a economizar.
O tempo é todo vestido
de amor e tempo de amar.

O meu tempo e o teu, amada,
transcendem qualquer medida.
Além do amor, não há nada,
amar é o sumo da vida.

São mitos de calendário
tanto o ontem como o agora,
e o teu aniversário
é um nascer a toda hora.

E nosso amor, que brotou
do tempo, não tem idade,
pois só quem ama escutou
o apelo da eternidade.
(Carlos Drummond de Andrade)

 
;