domingo, 28 de setembro de 2008 0 comentários

PRIMAVERA


0 comentários

DOCES LEMBRANÇAS ( Primavera e Manhãs de Setembro)



PRIMAVERA
Tim Maia
Quando o inverno chegar
Eu quero estar junto a ti
Pode o outono voltar
Que eu quero estar junto a ti (porque)

Eu (é primavera)
Te amo (é primavera)
Te amo (é primavera) meu amor
Trago esta rosa (para te dar)
Trago esta rosa (para te dar)

Trago esta rosa (para te dar)
Meu amor...

Hoje o céu está tão lindo (sai chuva)
Hoje o céu está tão lindo (sai chuva)
(É primavera)

________

MANHÃS DE SETEMBRO
Vanusa
Fui eu quem se fechou no muro e se guardou la fora
Fui eu que num esforço se guardou na indiferença.
Fui eu que numa tarde se fez tarde de tristeza
Fui eu que consegui ficar e ir embora.
E fui esquecida
Fui eu
Fui eu que em noite fria se sentia bem
E na solidão sem ter ninguém fui eu
Fui eu que em primavera só não viu as flores
e o sol
Nas manhãs de setembro.
Eu quero sair
Eu quero falar
Eu quero ensinar o vizinho a cantar
Eu quero sair
Eu quero falar
Eu quero ensinar o vizinho a cantar
Nas manhãs de setembro
Nas manhãs de setembro
Nas manhãs de setembro
Nas Manhãs...
0 comentários

BRINCADEIRAS INFANTIS ( A Linda Rosa Juvenil)



Como já estamos na primavera recordo esta linda cantiga de roda.
Quando crianças, cantávamos pela metade, não conhecíamos toda a letra
que encontrei hoje no site: http://www.ensinarbrincando.com.br/ , e tomei a liberdade de copiar.

Obs.:copiei a letra, as ilustrações são por minha conta.
A linda Rosa juvenil
(Ótima para dramatizar)

Inicia todos em roda, uma criança no centro (rosa) duas fora(rei e feiticeira
1 - A linda rosa juvenil, juvenil, juvenil
A linda rosa juvenil, juvenil
(enquanto a roda gira entoando a canção.)




2 - Vivia alegre no seu lar, no seu lar, no seu lar
Vivia alegre no seu lar, no seu lar
,(a personagem da rosa saltita)


3- Mas uma feiticeira má, muito má, muito má
Mas uma feiticeira má, muito má
( feiticeira passa para o centro da roda)
4- Adormeceu a Rosa assim, bem assim, bem assim,
Adormeceu a Rosa assim, bem assim ( Feiticeira, faz de conta que adormece a Rosa)



5- Não há de acordar jamais, nunca mais, nunca mais
Não há de acordar jamais, nunca mais
(roda para de girar, enquanto crianças fazem os gestos, e feiticeira...)



6- O tempo passou a correr, a correr, a correr,
O tempo passou a correr, a correr
(feiticeira sai, roda gira)



7- Um mato cresceu ao redor, ao redor, ao redor
Um mato cresceu ao redor, ao redor
(crianças da roda se aproximam da rosa de mãos dadas e braços erguidos)



8- Um dia veio um belo rei, belo rei, belo rei,
Um dia veio um belo rei, belo rei
(o rei passa para o centro)


9- E despertou a rosa assim, bem assim, bem assim,
e despertou a rosa assim, bem assim
(O rei acorda a rosa com um beijo)


Obs.: Cantávamos apenas os versos 1,2,3,4,8 e 9 (os versos 5,6,7 não conhecíamos) e no final cantávamos assim:
"Digamos ao rei muito bem! Muito bem!Muito bem!" (batendo palmas)



segunda-feira, 22 de setembro de 2008 0 comentários

VIVA O RIO GRANDE DO SUL ( 20 de setembro)

EU SOU GAUCHA, ADORO OS PAMPAS
E NÃO DISPENSO O MEU CHIMARRÃO
O MATE AMARGO FAZ BEM AO CORPO
AQUECE E ALEGRA O CORAÇÂO






Sou gaúcha, amo minha terra!!!

No dia 20 de setembro comemoramos o dia da Revolução Farroupilha.

Estou um pouco atrasada mas ainda em tempo de prestar minha homenagem á minha terra e a todos os gaúchos e gaúchas do Rio Grande do Sul.




Alguns de nossos símbolos


HINO RIOGRANDENSE


Letra de: Francisco Pinto da Fontoura
Música de: Joaquim José Mendanha



"Como a aurora precursora
Do farol da divindade,
Foi o vinte de setembro
O precursor da liberdade.
Estribilho:
Mostremos valor, constância
Nesta ímpia e injusta guerra,
Sirvam nossas façanhas
De modelo a toda terra.
Mas não basta pra ser livre
Ser forte, aguerrido e bravo;
Povo que não tem virtude,
Acaba por ser escravo.
Mostremos valor, constância
Nesta ímpia e injusta guerra,
Sirvam nossas façanhas
De modelo a toda terra"




A BANDEIRA RIOGRANDENSE







O BRASÃO RIOGRANDENSE






O QUERO -QUERO













O BRINCO DE PRINCESA







O CAVALO CRIOULO

0 comentários

DOCES LEMBRANÇAS (Músicas Gaúchas)



Querência Amada

Teixeirinha


Quem quiser saber quem sou

Olha para o céu azul

E grita junto comigo

Viva o Rio Grande do Sul

O lenço me identifica

Qual a minha procedência

Da Província de São Pedro

Padroeiro da Querência

Ò meu Rio Grande

De encantos mil

Disposto a tudo

Pelo Brasil

Querência amada

dos parreirais

Da uva vem o vinho

Do povo vem o carinho

Bondade nunca é demais

Berço de Flores da Cunha

E de Borges de Medeiros

Terra de Getúlio Vargas

Presidente brasileiro

Eu sou da mesma vertente

Que Deus saúde me mande

Que eu possa ver muitos anos

O céu azul do Rio Grande

Te quero tanto
Torrão gaúcho

Morrer por ti
Me dou o luxo

Querência amada

Planície e serra

Os braços que me

linda mulher gaúcha

Beleza da minha terra

Meu coração é pequeno

Porque Deus me fez assim

O Rio Grande é bem maior

Mas cabe dentro de

da geração mais nova

Poeta bem macho e guapo

Nas minhas veias escorre

O sangue herói de farrapo

Deus é gaúcho

De espora e mango

Foi

foi chimango

Querencia amada

Meu céu de

Rio Grande gigante

Mais uma estrela brilhante

Na bandeira do Brasil

__________


_________


Céu, Sol, Sul
Leonardo

Os Serranos


Eu quero andar nas coxilhas sentindo as "flexilhas" das ervas do chão

Ter os pés "roseteado" de campo ficar mais trigueiros com o sol de verão

Fazer versos cantando as belezas desta natureza sem par

E mostrar para quem quiser ver um lugar pra viver sem chorar


(Bis) É o meu Rio Grande do Sul,

céu, sol, sul, terra e cor

Onde tudo que se planta cresce

e o que mais floresce é o amor

É o meu Rio Grande do Sul,

céu, sol, sul, terra e cor

Onde tudo que se planta cresce

e o que mais floresce é o amor

Eu quero me banhar nas fontes e olhar horizontes com Deus

E sentir que as cantigas nativas continuam vivas para os filhos meus

Ver os campos florindo e crianças sorrindo felizes a cantar

E mostrar para quem quiser ver um lugar pra viver sem chorar


(Bis) É o meu Rio Grande do Sul,

céu, sol, sul, terra e cor

Onde tudo que se planta cresce

e o que mais floresce é o amor

É o meu Rio Grande do Sul,

céu, sol, sul, terra e cor

Onde tudo que se planta cresce

e o que mais floresce é o amor (Bis)


0 comentários

BRINCADEIRAS INFANTIS ( PÉZINHO)



Muito popular nas nossas brincadeiras de criança, mas na verdade é uma dança tradicional gaúcha.
Pézinho
Ai bota aqui
Ai bota ali o seu pézinho
Seu pézinho bem juntinho com o meu (BIS)
E depois não vá dizer
Que você se arrependeu! (BIS)
Ai bota aqui
Ai bota ali o seu pézinho
Seu pézinho bem juntinho com o meu (BIS)
E ao chegar deste teu corpo
Ai um abraço quero eu
Ai bota aqui
Ai bota ali o seu pézinho
Seu pézinho bem juntinho com o meu (BIS)
Agora que estamos juntinhos
dê cá um abraço e um beijinho


Para ilustrar encontrei essas lindas fotos no blog da Escola Municipal de Ensino Fundamental Santuário de Santa Cruz do sul.

emefsantuarioscs.blogspot.com

 
;