domingo, 31 de agosto de 2008

DOCES LEMBRANÇAS(SE AMAR É VIVER,NOITES,A MENINA QUE CRESCEU,OLHOS TRISTES)

Barros de Alencar e suas lindas canções.
Fico triste quando dizem: "brega" que significa "deselegante", "cafona".
Se souberem interpretar a letra verão que não tem nada de deselegante.
O amor, o respeito, o romantismo talvez esteja fora de moda (porque os românticos tem vergonha de assumirem e serem chamados de brega), mas deselegante são aquelas letras que não dizem nada, não transmitem sentimento.



Rômanticos !!!Cadê vocês??? Será que só eu existo desta classe em extinção???
Deem sinal de vida, por favor e digam que eu não sou a unica.



SE AMAR É VIVER – Barros de Alencar
Se amar é viver, eu vivo porque amo você
Se amar é viver, eu vivo porque amo você
Se amar é viver, eu vivo porque amo você
Se amar é viver, eu vivo porque amo você



Eu amo você,faz tanto tempo,
Mas nunca,nunca tive a coragem
de falar pra você os meus sentimentos ...
Se amar é viver, eu vivo porque amo você
Se amar é viver, eu vivo porque amo você
Se amar é viver, eu vivo porque amo você
Se amar é viver, eu vivo porque amo você

Lembro de você do tempo da escola ..
suas tranças, seu avental azul,seu sorriso tão lindo..
Eu, eu era aquele que escrevia no seu caderno, aquelas frases de amor ...




Mas você nunca imaginou, que era eu aquele menino tímido,
o seu grande admirador apaixonado..
Eu, morria de vergonha de tão só pensar
que você algum dia soubesse do meu amor por você...



Eu sempre lhe amei, sempre ..
Se amar é viver, eu vivo porque amo você
Se amar é viver, eu vivo porque amo você
Se amar é viver, eu vivo porque amo você
Se amar é viver, eu vivo porque amo você


Hoje depois de tanto tempo encontrei você na rua
Que linda que você estava,
E eu falei pra mim mesmo, hoje não vou ser covarde,
Vou falar pra ela tudo, tudo aquilo que a muito tempo
eu tenho guardado no meu coração ...
Mas de repente, uma criança correu para os seusbraços,
chamando-te de mãe...
e outra vez esse medo antigo,
percebi então que já era tarde demais,
demasiado tarde para nós ...
E sem que você me visse fui embora,
Fui embora chorando e cantando essa canção...


Se amar é viver, eu vivo porque amo você
Se amar é viver, eu vivo porque amo você
Se amar é viver, eu vivo porque amo você
Se amar é viver, eu vivo porque amo você.....

_________




NOITES –Barros de Alencar





Noites, todas as noites
Eu desço sua rua, a rua que é minha
A rua da rua da minha tristeza
Noites, eu pela calçada
Calçada que é sua, calçada da rua
Em que mora você
E lembro o seu rosto,
e choro com um pranto
Com um pranto da chuva,
da chuva que cai
Que cobre essa rua,
a rua que é nossa
A rua que é sua,
em que mora você
Mil mentiras disseram,
mil coisas fizeram
Para eu ficar longe de você
E vou triste a seguir
Sem poder me esquecer
Querendo somente lhe ver
E a dor que está em mim
Já não cabe no meu peito
Será que estou perto do fim?


Noite, pobre noite
Caminho, e esta rua, só tristeza
Noite, e eu sem você
Que nem à janela, saiu para me ver
Noites, você está dormindo
E eu estou seguindo na rua a cantar
Chorando, chorando,
pensando, pensando
Somente em te amar
________________

A MENINA QUE CRESCEU – Barros de Alencar

Linda menina que cresceu

se fez mulher me esqueceu
Já nem se lembra mais
nossa casinha de brinquedo


Nossas coisas em segredo
da nossa infância que ficou pra trás
Sua boneca eu consertava
eu que fazia as suas tranças
Com você eu era tão feliz

Meu Deus por que fomos crescer?
Pra de repente eu lhe perder
você é tudo que eu sempre quis
Aos domingos te levava ao parquinho
o teu sorriso era tudo para mim
Recordo ainda as palavras de carinho
que com doçura você me dizia assim:

"Quando eu crescer, meu bem
hei de ser sua e você só meu"


Nós dois crescemos
porém você me esqueceu.

__________


OLHOS TRISTES-Barros de Alencar




Olhos tristes tem segredos

Que não posso revelar
Meu bem
Por que esse olhar perdido
num ponto do infinito?
Por que essa nuvem de tristeza
nesse olhar tão bonito?
Crê em mim, a vida é linda
Crê no bem que eu acredito

Não pergunte que eu não digo
Não insista que eu não vou contar
Olhos tristes tem segredos
Que não posso revelar

Tristeza do teu olhar
é chuva que vai passar
quero que saibas meu anjo
A tristeza que sentires
Vai ser depois arco-iris
Hoje choras, é verdade
Amanhã sentirás felicidade

Os segredos de uma chuva
Arco-iris sempre vem contar
Olhos tristes têm segredos
Que não posso revelar

Vou contar-lhe um segredo
Afinal, venci o medo
Eu te amo, vida minha
Preciso confessar
E é por isso que eu não gosto
De ver triste o teu olhar.

As meninas dos mes olhos
De alegria estão a cantar
Olhos tristes eram tristes
Tão somente por te amar.

___________

0 comentários:

 
;